Poema

O Sol

 

O sol é uma estrela do sistema Solar

Que parece estar sempre a cantar

É o responsável pela vida no nosso planeta

Sem o uso da chupeta

E do centro gravitacional

Que não se pode mudar de canal.

 

O Sol é composto por núcleo

Tenho que comprar o mercúrio!

 

Zona de radiação.

Nunca praticai natação!

Zona de convenção.

No mundo não falta é tentação!

Fotosfera, cromosfera

Na floresta encontrei uma fera!

 

Coroa, mancha solar.

Eu não gosto nada de cantar!

Grânulos e proeminência solar.

Eu não estou a sonhar!

 

Sem uma superfície definida.

Nada de fita por medida!

E uma densidade de gases e materiais.

Porque é que há cantorias?

Que formam o Sol

Sem colocar a chave de Sol.

 

Os mais importantes são

O nosso querido coração hidrogénio.

Onde posso encontrar o génio?

O hélio e o seu oxigénio?

 

O carbono e o ferro?

Tenho que passar a minha roupa a ferro!

O enxofre, o néon, o nitrogénio

Ainda falta o silício e o magnésio.

 

Tem composição de elementos pesados.

Mas cuidado com os tarados!

Com o ouro e o urânio.

Tem atenção ao teu crânio!

 

O Sol exerce um forte campo magnético.

Mas porque é que o meu cão é tão patético?

Que muda de direcção?

Mas com muita acção!

A cada 11 anos e interferindo.

Mas sempre rindo!

 

Na Terra e os planetas do sistema solar.

Sem o radio a funcionar!

E possui um ciclo de vida.

Sempre tão contida!

 

Mateus Fouto, 7B

Violência

Diga não à violência!

O Combate à Violência

 

A violência é muito frequente no nosso dia a dia e neste país, que é considerado como o país vitorioso, devemos de torná-lo num lugar ainda melhor. Eu propunha acabar com a violência porque é uma falta de respeito para com o colega agredirem-se sem necessidade alguma, devia de haver paz, alegria e principalmente o amor e o carinho.

Não é correto termos um menino a gozar com o outro, a bater-lhe e a chamar-lhe nomes, devia de pensar no que realmente está a fazer, se está a ter uma atitude correta para com ele, se está a ser amigo, se é bonito andar aos empurrões, bater-lhe e gozar com ele. Temos de agir de forma correta, ser amigos uns dos outros, tentar ajudar quem precisa, porque só assim se conseguirá alcançar os seus objetivos.

O meu apelo é “ povo unido jamais será vencido” e este país é assim. Todas estas pessoas que são violentas com as outras, se calhar devem pensar um pouco, refletir no que estão a fazer e depois olharem-se ao espelho e verem se acham correto o seu comportamento, se é justo tornarem-se pessoas assim, ou antes serem humildes com as outras pessoas. Nestes casos vou dar um conselho: pensem carpe diem, aproveitem a vida, cheios de energia e confiança porque assim todo este mundo é melhor e que sejam muito felizes alcançando sonhos e os seus objetivos.

 

Mariana Mousaco, 7ºB

A minha opinião

transferir-15

Jogos vídeo

Para começar, a minha experiência em relação aos videojogos não existe, se não existe, eu não sou viciada.

  Eu não tenho muita experiência, mas o que torna os videojogos viciantes é o facto de quem joga muitas horas por dia começar a gostar demasiado e depois não quer mais nada a não ser jogar.

  Sim, os pais deviam limitar o tempo dedicado aos jogos. Para haver mais convívio.

  Considero igualmente que nem todos os jogos são aconselháveis.

   Os problemas que advêm do uso excessivo destes jogos são problemas de saúde, familiares e comportamentais e são nocivos, como, por exemplo, isolamento, violência, agressividade, fuga à realidade…

   Para finalizar, se os utilizadores destes jogos tivessem destreza, agilidade, rapidez e comportamentos saudáveis não eram viciados.

Cristina Oliveira, 7ºC

Se eu pudesse fazer um milagre…

images

Se eu pudesse fazer um milagre…

Estava eu num dia de muita chuva, trovoada e raios. Naquele dia estava em mudanças para a casa nova. E disse:

-Maldito o dia que eu me fui mudar para a casa!

Continuei a levar as caixas com as minhas coisas lá dentro e pensei:

-Vou tentar levitar estas caixas com a mente. Então tentei.

Pouco depois olho para as caixas cheias de tralha e concentro-me fixando-me nas caixas.

Imediatamente localizo uma caixa levitando no ar e pensei:

-Eu consigo fazer milagres?!

Fiquei incrédulo comigo mesmo, e continuei a levantá-las.

Pouco depois já tinha todas as caixas dentro da casa e encontro a minha família e perguntam-me:

-Como é que conseguiste levar essas caixas todas lá para dentro tão depressa?

Respondi-lhes:

-Consigo fazer milagres.

André Loureiro, 7ºB

Se eu pudesse fazer um milagre…

frases-para-dia-dos-avos-3

Se eu pudesse fazer um milagre…

 

Se eu pudesse fazer um milagre, eu ressuscitava o meu avô Ernesto que morreu com cancro no fígado. Eu gostava muito dele pela sua maneira de ser.

Quando o visse, imediatamente iria ter com ele, porque ele era um grande avô.

Depois dele morrer eu fiquei muito triste.

Então, este era o milagre que eu queria que se realizasse.

Bernardo Fontes, 7ºB

Viagens

Desportos saudáveis

Desportos saudáveis

A minha melhor viagem

A minha melhor viagem foi para Alcanena com o meu patrocinador de downhill para uma prova de downhill que eu tinha marcado nesse dia.

Aquela foi a melhor pista de BTT que vi até hoje, respeitava as regras, tinha 3,5 KM de terra batida, era a mais lisa de todos os tempos, eu quando lá cheguei fiquei… nem sei… fiquei espantado.

Estava muito bem organizada, tinha 100 participantes do meu escalão (infantil B) e nós fomos os primeiros a ir treinar nessa pista.

E claro, os primeiros, três primeiros, ganham uma “pequena” taça e um cheque com 100 euros para o 1º classificado, 50 euros para o 2º classificado e 25 euros para o 3º classificado e participavam noutra prova.

Começou a corrida e eu consegui ficar nos três primeiros. Ganhei 25 euros e uma pequena taça com o meu nome gravado.

E esse foi o meu melhor dia e a minha melhor viagem.

Diogo Pombo, 7ºB

Oficina do Português com novo horário

a

Novo horário da Oficina do Português

Novo horário da Oficina do Português