Concurso Nacional de Leitura 2019/2020

Fase Municipal

 

4 de fevereiro às 10h e 30m

Decorreu no Auditório Elvino Pereira

 

1º ciclo6 alunos

-Catarina Filipa Lourenço da Silva

-Clara Campos Pereira Fernandes Cardoso

-Mafalda Sofia Lourinho Martins da Silva

-Miguel Piçarreira Fernandes

-Sofia Alexandra Cordeiro Matias

-Vasco Miguel Pires Nicolau

 

Obra a concurso:

A Menina que Queria Salvar os Livros de  Klaus Hagerup‎.

 

2º ciclo-6 alunos

5º ANO:

Turma B
-Ana Claro; nº 1;
-Beatriz Lopes; nº 4;

 

6º ANO:

Turma, A
-Madalena Estrela.
Turma, B
-Catarina Cerdeira; nº 5;
-Clara Loureiro; nº 6;
-Sofia Cabrita; nº 17.

Obra a concurso:
O Barco das Crianças de Mário Vargas Llosa

 

 

3º ciclo- 6 alunos

7º ANO:

Turma, A
– Jéssica Moucho; nº 7;
-Martim Estrela; nº 13;

Turma, B
– Maria Carolina Matos; nº 11;

9º ANO:

Turma, A
-Ângelo Silva;nº2;
Turma, B
-Margarida Saramago; nº 11;
-Rafael Lobo; nº 13.

Obras a concurso:
Os livros que devoraram o meu pai – A estranha e mágica história de Vivaldo Bonfim de Afonso Cruz

 

 

Secundário-3 alunos

Turma 10ª A

-Saúl Santos; nº 7;
-Mariana Mousaco; nº
– Sancha Ramadas; nº 20

Obra a concurso:
O Pintor Debaixo do Lava-Loiças de Afonso Cruz

 

Júri: Perpétua Marques, Vereadora Margarida Lopes e a autora convidada Evelina Gaspar.

 

Professor António Bento

Notícias da Biblioteca Escolar

Feira do Livro

 

Hoje começam as nossas Feiras do Livro no Agrupamento.

Os preços são ótimos e a disponibilidade de títulos também. Esta atividade, como todas as outras, teve o apoio do senhor Diretor do Agrupamento e da sua direção.

A equipa da biblioteca escolar,

António Bento

 

“25 de Abril; sempre”

 

Está patente na biblioteca escolar da escola sede a exposição, “25 de Abril; Sempre”  com cartazes da associação 25 de Abril  e trabalhos elaborados pelos alunos da turma B do sexto ano na disciplina de História e Geografia de Portugal. Esta exposição tem o apoio do director, José Almeida e da sua direção.

A equipa da biblioteca escolar,

António Bento

Notícias da B.E.C.R.E.

 

Feira do livro 2018

 

Decorreram as nossas Feiras do Livro. A leitura não é um fim, em si mesma, mas um meio que contribui para a qualidade de vida dos leitores. Cada livro guarda dentro outros mundos, outras pessoas, outros lugares, outros tempos, outras memórias, outras formas de ser, de estar, de sentir, de comunicar, de rir…

Estiveram mais uma vez disponíveis as últimas novidades nacionais e internacionais. Este ano houve muitos jogos educativos sobre os mais variados temas. Tudo com preços muito bons.

Esta atividade, como todas as outras, teve o apoio do senhor Diretor do Agrupamento e da sua direção.

A equipa da biblioteca escolar,

António Bento

 

BECRE AEVH-Alunos do Agrupamento de Escolas Verde Horizonte de Mação vão participar nos concursos “Autores Digitais” e “Concurso Nacional de Leitura”

Com o apoio da direção, corpo docente e biblioteca escolar, os alunos do Agrupamento de Escolas Verde Horizonte de Mação vão participar nos concursos “Autores Digitais” e Concurso Nacional de Leitura, tendo como objetivo central estimular o gosto e os hábitos de leitura e compreensão.

A equipa da biblioteca escolar,

António Bento

3 – Metodologia
3.1 – Formato dos trabalhos
Todos os trabalhos devem ser realizados usando a aplicação web storyjumper disponível
em https://www.storyjumper.com (1)

3.2 – Como concorrer
Inscrição no concurso – o professor interessado em concorrer com as suas turmas ou
grupos de alunos deverá inscrever-se através de um formulário disponibilizado pelo CCTIC
da ESE.
Envio do link dos trabalhos e identificação dos seus autores – este registo será feito após a
conclusão dos trabalhos, em formulário disponibilizado pelo CCTIC da ESE. 1/2
3.3 – Tipo de trabalhos
O professor poderá concorrer com a sua turma ou grupo de alunos nas seguintes
modalidades:
Uma ou várias histórias escritas em colaboração, pelo grupo turma.
Várias histórias escritas em colaboração, por grupos de alunos da turma.
Várias histórias escritas individualmente pelos alunos.
Em todas estas modalidades é desejável o envolvimento dos encarregados de educação,
acompanhando, em casa, o trabalho realizado pelos seus educandos.
4 – Cronograma
Fase 1 – Divulgação, abertura do concurso e inscrição dos professores
(outubro/novembro).
Fase 2 – Ação de formação destinada:
a) aos professores bibliotecários dinamizadores do concurso nas escolas envolvidas (1ª
prioridade);
b) a outros professores inscritos (2ª prioridade, sujeita a confirmação).
A frequência desta ação de formação é facultativa.

Fase 3 – Envio do link dos trabalhos e identificação dos seus autores.
Fase 4 – Divulgação de todos os trabalhos na página do CCTIC e votação pública dos
“melhores”, através de atribuição de estrelas.
Fase 5 – Apreciação pelo júri dos trabalhos concorrentes.
Fase 6 – Divulgação dos trabalhos premiados e entrega dos prémios.
5 – Júri do concurso
O júri multidisciplinar será constituído por membros do CCTIC e professores da ESE de
Santarém, bem como por representantes dos parceiros.
O júri terá em consideração a votação do público, mas esta não será determinante na sua
apreciação.
6 – Prémios
Serão atribuídos prémios individuais e de escola aos melhores trabalhos dos alunos de
cada ciclo.
(1) Em edições posteriores do concurso, esta aplicação web poderá ser substituída por
outra que se considere mais adequada.

 

 

O concurso “Autores Digitais” é promovido pelo CCTIC da ESE de Santarém. Destina-se
aos alunos do 1º e 2º ciclos do Ensino Básico e seus professores, em articulação com as
respetivas bibliotecas escolares e as famílias dos alunos participantes.
Todas as histórias devem abordar temas de educação para a cidadania.
“A educação para a cidadania visa contribuir para a formação de pessoas
responsáveis, autónomas, solidárias, que conhecem e exercem os seus direitos e
deveres em diálogo e no respeito pelos outros, com espírito democrático,
pluralista, crítico e criativo, tendo como referência os valores dos direitos
humanos.”
Fonte: http://www.dge.mec.pt/educacao-para-cidadania
São admitidas a concurso todas as histórias que se integrem em qualquer das
áreas temáticas de educação para a cidadania. Sugere-se a consulta da
documentação disponibilizada pela Direção-Geral da Educação
em http://www.dge.mec.pt/areas-tematicas
Caberá a cada professor articular o tema escolhido com o Projeto Educativo da
sua Escola/Agrupamento.