O livro que eu escrevi by Rufus Malim- Impressions

Slide usado na apresentação do livro The Hopeful Journey

Uma inspiração! Um privilégio!

Rufus Malim, Instituto Politécnico de Tomar, Instituto Terra e Memória (Mação), doutorando em Estudos da História da Arqueologia e da Antropologia, é autor do livro The Hopeful Journey e a convite da nossa Diretora de Turma, a Professora Sílvia Ramadas, veio ao nosso Agrupamento para falar deste livro de que tanto se orgulha.

A ideia subjacente ao convite é fazer desta partilha de ideias e de estratégias inspiradoras, um exemplo para nós, alunos do 10º ano, da turma A. No nosso Agrupamento temos um projeto de leitura, 10 minutos de leitura, que tem como objetivo fazer com que todos os alunos aperfeiçoem as suas competências no que à leitura diz respeito. Assim, o Rufus foi, para muitos de nós, inspirador! Mostrou-nos com arrebatador entusiasmo como se pode começar o processo da escrita, os elementos inspiradores, as influências, enfim, enunciou muitas das coisas que nos podem inspirar! A música, os filmes, os jogos, a arte, as lendas, o folclore e a nossa imaginação, às vezes até os nossos sonhos são fontes de inspiração! Quem sabe um dia destes, escrevamos um livro! … Quem sabe um dia destes, apresentemos o livro que andamos a ler no projeto 10 minutos de leitura!

Tudo isto apresentado em Inglês, pois o nosso estimado Rufus is very British, indeed!

Para nós, foi tudo aquilo que passamos a descrever…

Daniel Cardoso Gaspar

I found the presentation very interesting and complete. I’ve always been very fond of fantasy books and series, like the Game of Thrones, Harry Potter and the Lord of the Rings. So this presentation really stimulated my taste for this kind of books, and I even started reading the Game of Thrones books again.

Francisco Teixeira Pereira

Rufus’s presentation was pretty captivating, especially because he talked about things that I like, for example the Lord of The Rings, Lovecraft, Bioshock and many other things, the book looked pretty interesting and I’m thinking about buying it!

Guilherme Manuel Durão Matos

Rufus’s presentation was very complete and generated a lot of enthusiasm. There is only one problem, he spoke a little too fast but it was very understandable, his story and how he thought it.

Gustavo Alexandre de Jesus Santos

I found Rufus’ s presentation amazing, very well structured, dynamic and the excellent technological support, but the book didn’t catch my attention because I prefer other literary styles.

Luís Alexandre Dias Delgado

After listening to Rufus’ s presentation, I was so curious about the book he wrote, that I gave free reign to my imagination and I decided to write an adventure book with real fairies and elves. In other words, I’m going to write a folklore book.

Ricardo Antunes Veríssimo

Rufus’s performance was very pleasant, dynamic and somehow funny. He’s a man with a distinctly British style.

Miguel Cardoso Gaspar

Rufus’s presentation was quite good, because it even made me want to write a book of my own. The Power Point was very well built, but he was too nervous. The book he wrote seemed quite interesting, because it reminded me of the Lord of the Rings, which are films that fascinate me.

Tomás de Oliveira Leitão

I really enjoyed the presentation, it was very well prepared, but he was very nervous which made the presentation a bit worse.

Mafalda Fernandes da Costa Heitor Parente

I truly loved Rufus’s presentation. I think it was funny, creative and informative.

Mariana Filipa Martins Branco

I really enjoyed the presentation of Rufus’s book and the advice he gave us. I think it will help me in the future. At the end of the presentation, I felt like reading the book even though its genre isn’t my favourite.

Rafael Filipe Silva Loureiro

Rufus’s presentation was very interactive and funny, the Power Point was very good and I loved his accent, the book fascinated me a lot and I wish there was a Portuguese version.

Mafalda Sofia Alexandre Lercas

I liked Rufus’s presentation about the book.

Rita Valente Marques

I liked the presentation because we could see an example of someone who is good at writing books.

Amadeu Dias António

Rufus’s presentation is well organized, divided into different themes, such as games, music, artwork, etc. His presentation shows that there are many different themes to choose from when writing a book, some of them being writing a book about a film, trying to describe a piece of art by writing a book about it, writing about traditions and many others.

Alunos da turma 10ºA

De-stress – Creative writing – 10ºA

A PIECE OF HISTORY

Foto de Ricardo Silva

I can see a piece of some kind of rock. It looks like a piece of clay. It is already kind of old by the colour, but it also looks like a chunk of a clay bowl!

Ricardo Silva, 10ºA

Na disciplina de Inglês está a desenvolver-se a atividade “De-stress!”, no âmbito do Plano da Turma. Pretende-se que os alunos elaborem textos de escrita criativa com o objetivo de desestressar e aprender a gerir emoções em contextos de maior pressão.

O Museu Municipal que é a casa onde se guardam e se estudam objetos do passado, fragmentos de vidas dos que já partiram e que continuam a ser importantes para podermos ser quem somos, em colaboração com a Câmara Municipal, presenteou os alunos do Agrupamento com réplicas de fragmentos arqueológicos, como forma de abraçar a população escolar em agradecimento pela estima que demonstra pelo património que é de todos.

Sensibilizados com a criatividade do Museu, os alunos foram desafiados a escrever fragmentos de textos em inglês que descrevessem esses bocadinhos de história de forma mais pragmática ou mais inventiva.

De-stress – Creative writing – 10ºA

A PIECE OF HISTORY

Foto de Banino Xu

This piece of rock is orange, so I think it could have been clay and it probably belonged to an ancient pot because it is curved and it has a flat base.

Na disciplina de Inglês está a desenvolver-se a atividade “De-stress!”, no âmbito do Plano da Turma. Pretende-se que os alunos elaborem textos de escrita criativa com o objetivo de desestressar e aprender a gerir emoções em contextos de maior pressão.

O Museu Municipal que é a casa onde se guardam e se estudam objetos do passado, fragmentos de vidas dos que já partiram e que continuam a ser importantes para podermos ser quem somos, em colaboração com a Câmara Municipal, presenteou os alunos do Agrupamento com réplicas de fragmentos arqueológicos, como forma de abraçar a população escolar em agradecimento pela estima que demonstra pelo património que é de todos.

Sensibilizados com a criatividade do Museu, os alunos foram desafiados a escrever fragmentos de textos em inglês que descrevessem esses bocadinhos de história de forma mais pragmática ou mais inventiva.

Banino Xu, 10ºA

De-stress – Creative writing – 10ºA

A PIECE OF HISTORY

Foto de João Brisída

This brick is from Eminem’s first house!… It’s too old,…It has even been sold in an auction because he’s a famous rapper and songwriter!

João Brisída, 10ºA

Na disciplina de Inglês está a desenvolver-se a atividade “De-stress!”, no âmbito do Plano da Turma. Pretende-se que os alunos elaborem textos de escrita criativa com o objetivo de desestressar e aprender a gerir emoções em contextos de maior pressão.

O Museu Municipal que é a casa onde se guardam e se estudam objetos do passado, fragmentos de vidas dos que já partiram e que continuam a ser importantes para podermos ser quem somos, em colaboração com a Câmara Municipal, presenteou os alunos do Agrupamento com réplicas de fragmentos arqueológicos, como forma de abraçar a população escolar em agradecimento pela estima que demonstra pelo património que é de todos.

Sensibilizados com a criatividade do Museu, os alunos foram desafiados a escrever fragmentos de textos em inglês que descrevessem esses bocadinhos de história de forma mais pragmática ou mais inventiva.

De-stress – Creative writing – 10ºA

A PIECE OF HISTORY

Foto de Maria Jana

This piece of brick is brownish orange. It might be part of some old void object. A relic from the past!

It came from the local museu of Mação because it must have some historical value!

Maria Jana, 10ºA

Na disciplina de Inglês está a desenvolver-se a atividade “De-stress!”, no âmbito do Plano da Turma. Pretende-se que os alunos elaborem textos de escrita criativa com o objetivo de desestressar e aprender a gerir emoções em contextos de maior pressão.

O Museu Municipal que é a casa onde se guardam e se estudam objetos do passado, fragmentos de vidas dos que já partiram e que continuam a ser importantes para podermos ser quem somos, em colaboração com a Câmara Municipal, presenteou os alunos do Agrupamento com réplicas de fragmentos arqueológicos, como forma de abraçar a população escolar em agradecimento pela estima que demonstra pelo património que é de todos.

Sensibilizados com a criatividade do Museu, os alunos foram desafiados a escrever fragmentos de textos em inglês que descrevessem esses bocadinhos de história de forma mais pragmática ou mais inventiva.

De-stress – Creative writing – 10ºA

A PIECE OF HISTORY

Foto de Daniel Gaspar

This action from the local museum of Mação was really interesting! By giving historical elements to the students of our school they were contributing to make them better citizens of their own territory with a sense of belonging to this land and to this world!

… And, of course, … Stimulating them to use their own imagination… For example, this piece of brick could be part of a historical house, or part of an old school, etc…

I really hope that this action may continue through the ages because the new generations need to improve their general knowledge!

Daniel Gaspar, 10ºA

Na disciplina de Inglês está a desenvolver-se a atividade “De-stress!”, no âmbito do Plano da Turma. Pretende-se que os alunos elaborem textos de escrita criativa com o objetivo de desestressar e aprender a gerir emoções em contextos de maior pressão.

O Museu Municipal que é a casa onde se guardam e se estudam objetos do passado, fragmentos de vidas dos que já partiram e que continuam a ser importantes para podermos ser quem somos, em colaboração com a Câmara Municipal, presenteou os alunos do Agrupamento com réplicas de fragmentos arqueológicos, como forma de abraçar a população escolar em agradecimento pela estima que demonstra pelo património que é de todos.

Sensibilizados com a criatividade do Museu, os alunos foram desafiados a escrever fragmentos de textos em inglês que descrevessem esses bocadinhos de história de forma mais pragmática ou mais inventiva.

De-stress – Creative writing – 10ºA

Na disciplina de Inglês está a desenvolver-se a atividade “De-stress!”, no âmbito do Plano da Turma. Pretende-se que os alunos elaborem textos de escrita criativa com o objetivo de desestressar e aprender a gerir emoções em contextos de maior pressão.

Message in a bottle

 If you’re seeing this, I’m probably dead, but just let me tell you…

I think I’ve been on this island for over three… four… years, I don’t quite know the time. But I have no hope of leaving alive so I’ll tell you the following… I woke up here with nothing and no idea of survival so, I thought of building a shelter as soon as possible before I could explore deeper on the island. I pitched a tent and tried to make fire… and I managed to continue surviving. So, as time went by I no idea of ​​time, but after that I’ve just continued exploring the island and found more resources to try to live as long as possible, but now with nothing I’m just sitting writing on a random paper.

João Brísida, 10ºA

De-stress – Creative writing – 10ºA

Na disciplina de Inglês está a desenvolver-se a atividade “De-stress!”, no âmbito do Plano da Turma. Pretende-se que os alunos elaborem textos de escrita criativa com o objetivo de desestressar e aprender a gerir emoções em contextos de maior pressão.

Message in a bottle

Hi! I’m Angelo!

I’m 15 years old and I’m lost on an island with nothing. I was on my way to the Netherlands when my boat sank.

To spend my time I like catching coconuts, walking on the sand and sunbathing. I’ve been here for a few weeks and I’m starting to worry that no one’s coming for me.

In terms of food I have caught some fish and ate coconuts, too.

Ângelo Silva, 10ºA