OUTUBRO ROSA

A equipa do projeto Horizonte Solidário irá desenvolver uma atividade no âmbito do OUTUBRO ROSA, para a qual apela à sensibilidade e participação de toda a Comunidade Escolar. 

Vamos juntos construir um Painel, símbolo da prevenção e da luta contra o cancro da mama. Acreditamos que unidos, nesta causa, conseguiremos construir um painel exemplar e transmitir, com todas as fitas nele inseridas, a maior onda de energia positiva para quem, no seu dia a dia, luta ou lutou contra a doença. 

Assim, solicita-se a colaboração de todos os alunos e seus familiares, professores e assistentes operacionais através da entrega de uma fita cor-de-rosa, de tamanho considerável, com uma palavra escrita sobre o que representa para si o OUTUBRO ROSA, a pendurar no Painel entre os dias 18 e 27 de OUTUBRO 2021. 

A equipa do HS apela, também, para que todos vistam ROSA no dia 28 de OUTUBRO

Esta é uma ação não só de sensibilização para a prevenção precoce do cancro da mama, mas igualmente de HOMENAGEM!

Profª Cláudia Olhicas de Jesus,

Coordenadora da Equipa Horizonte Solidário

Aprender a estudar

Na disciplina de Organização Geral e Método foi lido e analisado o poema “Aprender a estudar” de Ary dos Santos, nas turmas do 6.ºAno, e posteriormente redigidos textos em verso e/ou prosa.

Aprender a estudar é ...

É aprender a crescer.
É ler e reler, ver e rever a matéria.
Estudar não é passar horas e horas só a ler e a ver 
Mas sim a perceber!

Não é só estudar… 
É também brincar!
Descontrair e relaxar 
Mas não esquecendo o dever de estudar!

Estudar é importante
Mas Aprender é radiante!

Matéria para perceber
Para testes conseguir fazer.

Escrever bem
E textos ler !

Para mais tarde brincar
E poder relaxar!

Catarina Silva N.º 1 do 6.ºA
Aprender a estudar é…
Ler, pensar e fazer!

Estudar é muito importante
Se quisermos ser gente!

Estudar é uma palavra comum
Mas aprender é uma palavra sem comparação!

Ashley Mendes N.º1 do 6.ºB

Abrir uma porta para o conhecimento
Aprender a fazer cimento
É também Aprender a estudar
Sem medo de errar.

Uma maneira de Aprender
É ler com uma luz a aparecer.
Podes aprender no frio ou no calor
Apenas te digo, não estudes com rancor!

Estudar
É ter asas de livros e voar!
Aprender
É trabalhar até anoitecer!

Miguel Fernandes N.º 8 do 6.ºA

Aprender a estudar não é só decorar o que está nos livros, é também aprender a ser livres. Estudar é crescer, saber ler, saber escrever, emendar os erros. Mas não é só isto, estudar é pensar e pensar é tudo!

Lara Craveiro N.º 9 do 6.ºB

Vamos estudar e enfrentar os desafios, porque uma vida sem desafios não vale a pena ser vivida!  

Sócrates (filósofo grego)

Opinião: O Livro Vai Desaparecer?

Book. By Manoela FoladorIn Profissional de Conteúdo.

                                                               Uma nova era

Nos dias de hoje é cada vez mais frequente vermos um crescimento e desenvolvimento da era tecnológica em vários setores e um deles é o setor literário que, segundo dizem, põe em causa a era do livro.

No meu ponto de vista, a era digital ou tecnológica tem de facto potencial para ser a nova era, mas acredito que a requisição, a compra e sobretudo a leitura de livros não chegarão ao fim, mas que serão utilizadas por uma menor quantidade de pessoas. Isto deve-se ao facto de que a utilização de livros ajuda imenso a sanidade mental e também porque as pessoas com menos possibilidades de ter esses utensílios recorrem aos livros.

Para concluir, a utilidade, a necessidade e sobretudo a importância dos livros na nossa vida nunca devem ser postas em causa, pois neles está toda uma vida.

                                                                                                                                                    Cláudio Matias, 10ºB

Dia Europeu sem Carros

As duas turmas do 1.º ano da Escola Básica de Mação comemoraram, no passado dia 22 de setembro, “O Dia Europeu sem Carros” .

Integrada na Semana Europeia da Mobilidade, esta iniciativa procurou promover a qualidade de vida e a proteção dos recursos naturais, sugerindo a adoção de meios de transporte menos poluentes, e o andar mais a pé, quando possível, nas localidades. Os alunos fizeram uma mini caminhada até ao caracol, assim como alguns trabalhos alusivos ao tema.

Defender o Ambiente, tornando-o ecologicamente equilibrado, é uma obrigação de TODOS!

Professores: José Manuel Sequeira e Eugénia Grácio

Turmas MAC1 e MAC2

2015 CHEGOU!

Chegou, ao primeiro ano da Escola Básica de Mação, a geração de 2015, alguns ainda com 5 anitos. A entrada na escola é um momento de grandes mudanças na vida das crianças e o primeiro dia de escola, por vezes, é bastante complexo. Novas caras, novos colegas, novas rotinas…

Todos foram recebidos com o seu encarregado de educação, estando ansiosos por conhecer as salas e os professores. Adaptaram-se com facilidade aos espaços e às pessoas que com eles irão lidar. É difícil passar mais tempo sentado do que o normal. É difícil não afiar constantemente os lápis, mas é tudo novo e com cores atraentes que só apetece espalhar e usar. E as perguntas frequentes: “Quando é que aprendemos a ler?”; “Quando é que trabalhamos?”; “Quando é hora de brincar?”.Receberam um miminho: um caderno com a fotografia do seu primeiro dia de aulas e ficaram todos muito contentes.

Que bom é poder vê-los SORRIR de felicidade!

Professores: José Manuel Sequeira e Eugénia Grácio

Turmas MAC1 e MAC2

Dia Europeu das Línguas

Desde 2001 que o Ano Europeu das Línguas se comemora no dia 26 de setembro.

Trata-se de uma iniciativa conjunta do Conselho da Europa.

No nosso Agrupamento, este ano, celebrou-se no dia 27 de setembro e pautou-se, sobretudo, por atividades envolvendo a elaboração de nuvens de palavras em que os alunos selecionaram as suas palavras preferidas nas várias línguas.

Uma data a recordar!

A nossa exposição – MAC4

Os alunos da MAC4, 3.º ano, continuam a presentear-nos com a sua “arte”, revelando enorme autonomia, responsabilidade, determinação e empenho. A professora Ana Paula Candeias lançou os desafios e os alunos, sem hesitar, provando que nunca deixam os créditos por mãos alheias, prontamente deitaram mãos à obra e realizaram verdadeiras obras de arte!

Como se de gente crescida se tratasse, enviaram-nos um pequeno filme onde simpaticamente nos apresentam alguns dos seus trabalhos, exposição resultante do seu esforço e dedicação.

Que alegria ver estes alunos crescerem cheios de garra e tenacidade! E que prazer poder apreciar estas verdadeiras pequenas-maravilhas!

Parabéns aos alunos pelo empenho e qualidade dos trabalhos elaborados!

Alunos da EB de Mação – MAC 4, 3.º ano

Prof.ª Ana Paula Candeias

XIII Campeonato SuperTmatik de História de Portugal

Os alunos do 5.º, 6.º, 7.º, 8.º e 9.º Anos participaram no XIII Campeonato SuperTmatik de História de Portugal respeitante ao ano letivo 2020/2021.

Este campeonato tem como principais objetivos fomentar o gosto pela aprendizagem da História de Portugal; contribuir para a aquisição, consolidação e ampliação de conhecimentos sobre a História; reforçar a componente lúdica na aprendizagem da História de Portugal e ainda promover o convívio entre alunos, professores e restante comunidade escolar.

A final nacional online decorreu de 14 a 28 de maio e os alunos responderam a quinze questões tendo três tentativas para realizar o melhor tempo no SuperTmatik. A cada resposta errada corresponde uma penalização em segundos e para efeitos de classificação apenas será tida em conta a melhor das três tentativas. 

Apenas o melhor resultado de cada aluno foi contabilizado para efeitos de posicionamento no Ranking Nacional do SuperTmatik 2021.

Dos quinze alunos que participaram neste campeonato 4 ficaram no Top 10 e têm direito a vales de desconto de 10€ (4.º a 6.º lugar) e de 5€ (5.º ao 10.º lugar) na aquisição de material (cartas de jogar, puzzles e livros), na loja online do sítio Eudactica, bem como um e-diploma oficial.

Concurso “Rosa dos Ventos” – 5.º/7.ºAnos – 2020/2021

Os alunos do 5.º e 7.º Anos participaram no Concurso “Rosa dos Ventos” dinamizado pelos professores de História e Geografia de Portugal do 2.º Ciclo (Lígia Silva) e de Geografia do 3.º Ciclo (Fátima Batista e José Vitorino).

O concurso teve como objetivos reconhecer os pontos cardeais e colaterais, utilizar diferentes técnicas de expressão gráfica e promover a criatividade.

Os trabalhos foram enviados pelos alunos através da Classroom criada por cada professor.

Nos trabalhos apresentados foram utilizados diversos materiais como por exemplo molas, colheres de plástico, corda, fósforos, cartão, nozes, esparguete, pauzinhos de gelado, cartolina, tecidos, fios de lã, pétalas de flores, aparas de lápis, palhinhas, lápis de cor, tampinhas, rolhas de cortiça e madeira.

A votação foi feita através de um Google Forms onde apareciam as fotografias das rosas dos ventos a concurso. O respetivo link foi enviado, aos alunos do 2.º e 3.º Ciclos, através dos respetivos Diretores de Turma, bem como aos professores do Agrupamento. Os votantes usaram o seu email institucional, selecionaram apenas uma rosa dos ventos e submeteram o seu voto.

Foram apresentados quarenta e um trabalhos, houve uma votação bastante participada, com cento e vinte e oito votantes, e após a contagem obteve-se o seguinte resultado:

1.º lugar – Daniel Cardoso do 7.ºA

2.º lugar –  Catarina Silva e Sandra Lourenço do 5.ºA

A professora Lígia Silva