Dia Europeu das Línguas 2020 – Falar com mais de 60 línguas diferentes

Europa: tão pequena e tão grande!

O continente europeu conglomera cerca de 50 países, 27 dos quais fazem parte da União Europeia. Assim, na Europa são falados mais de 60 idiomas diferentes, entre línguas oficiais, regionais e dialetos do povo.

Com vista a promover o multilinguismo e incentivar os cidadãos europeus a aprender novas línguas, foi instituído, por iniciativa conjunta do Conselho da Europa e da Comissão Europeia, o Dia Europeu das Línguas (DEL), que se celebra, todos os anos, no dia 26 de setembro, e se comemorou pela primeira vez em 2001.

Deste modo, e como todos os cidadãos devem conhecer o mundo que os rodeia os alunos da escola pesquisaram as diversas línguas e expressões idiomáticas em português, espanhol, francês e inglês, com o objetivo de melhorar a sua cultura e aprendizagem.

Foi um desafio do Departamento de Línguas aos alunos do Agrupamento que fizeram pesquisas sobre expressões idiomáticas e a expressão “Olá! Fala comigo!” em várias línguas da Europa com o objetivo de dar a conhecer a pluralidade linguística deste continente. Aqui fica o resultado! Diverte-te a aprender!…

Texto e fotos de Anaísa Marques, 12ºA

Plano de Turma 11º B – “Tempos de Mudança – Sustentabilidade e Alterações Climáticas”

Os alunos da turma B, do 11º ano deram asas à sua imaginação ao elaborarem vários cartazes em suportes e recursos materiais que remetem para a sustentabilidade. Deste modo, ao longo destas últimas semanas que antecederam o Carnaval, dedicaram o seu tempo à elaboração de cartazes que pretenderam alertar toda a comunidade escolar para a problemática das alterações climáticas e para a necessidade da preservação do planeta, temáticas escolhidas pelos alunos para serem trabalhadas no Plano da Turma.

Várias disciplinas, como a Economia, o Espanhol e o Inglês colaboraram para que os cartazes, já prontos, pudessem ser usados no “Desfile de Carnaval do Agrupamento 2020”, destacando-se o seu caráter de protesto e de manifestação por um planeta mais sustentável e limpo e assim articulando a temática escolhida com o tema selecionado pela UE para o ano letivo 2019/20, “Alterações Climáticas, um desafio para a Europa” e com a proposta do Clube Europeu para um evento de agrupamento.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Diretora da Turma: Sílvia Ramadas

Deixem respirar os direitos humanos!

O Clube Europeu do Agrupamento de Escolas Verde Horizonte de Mação, este ano, vivenciou o Dia Internacional dos Direitos Humanos, 10 de dezembro, de forma diferente, pois a estrela foram os Direitos Humanos de 3ª Geração – Ambiente.

A exposição pretende ser um alerta à população escolar para a importância de respeitar e preservar o planeta em termos de sustentabilidade, pois não há PLANETA B!

A Equipa do Clube Europeu

Exposição – 10 de dezembro DIDH Mulheres com Valor – Clube Europeu

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Clube Europeu do AEVH organizou uma exposição sobre os direitos humanos e o dia 10 de dezembro! Todos os anos, neste dia é celebrado o dia Internacional dos Direitos Humanos. Este ano, a Exposição Mulheres com Valor procurou mostrar e dar a conhecer os nomes de várias mulheres que ao longo de anos de história universal ajudaram a mudar mentalidades  e se distinguiram por, de alguma forma, fazer valer os direitos de todos os cidadãos consagrados na Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Fotos: Sílvia Ramadas

Texto: A Equipa do Clube Europeu

18 de maio – Dia Internacional dos Museus – Clube Europeu

IMG_5887
Clica na foto para veres as restantes fotografias.

DO GESTO À ARTE

                Dia 19 de maio celebrou-se o Dia dos Museus e para tal, alguma forma teria de se pensar para comemorar esta data. Um dos princípios que temos de respeitar é que, em primeiro lugar, está aquilo que é nosso, que é da nossa região; como não poderia deixar de ser: o Museu de Mação foi a escolha eleita.

            De uma forma permanente, o museu tem à disposição a exposição “DO GESTO À ARTE” que procura demonstrar a importância do trabalho manual desde os tempos primitivos: o uso da mão como principal instrumento de “fazer arte”.

            Podemos orgulhar-nos de ter uma das regiões em que a arte rupestre predomina, na Ocreza, temos vários exemplos de algumas culturas que pisaram a nossa terra, que a exploraram naquilo que de melhor tem; desenvolveram-na e ainda deixaram marcas para que todas as gerações futuras sejam testemunhas do seu trabalho e da sua passagem pela nossa zona.

            O museu desempenha essa função: a de nos “entregar” a mensagem que os nossos antepassados nos quiseram deixar.

Beatriz Branco   11ºA

Clube Europeu – Noite de Variedades no Auditório Elvino Pereira

IMG_8248(Clica na foto para acederes a todas as fotos do Clube Europeu.)

E a história repete-se… Mas desta vez com maior diversidade! Unidos na diversidade… que é o lema da união europeia e que é também o lema do nosso clube. Um clube que se orgulha de trabalhar com uma grande equipa formada por alunos e professores que se empenham e esforçam para fazer melhor, para fazer a diferença. Trabalhamos em equipa, com espírito de cooperação. Motivamos e valorizamos o trabalho colaborativo que encontramos nas nossas parcerias com o Atelier de Espanhol, com o Clube da Dança e com a Ginástica Acrobática. Contamos com o apoio da direção da escola e da Câmara Municipal. Não esquecemos os encarregados de educação que também motivam os seus educandos para fazer parte desta grande equipa que continua a crescer e a aprender a saber SER melhor!

Esta noite de 20 de março foi o culminar de todo o esforço desenvolvido ao longo de semanas, anos de trabalho. Assistimos a um espetáculo recheado de talentos musicais, acrobáticos, teatrais, poéticos, dramáticos, de dança e de comédia e também de moda. Procuramos fazer história para que a história se repita por muitos e muitos anos. Somos o Clube Europeu do AEVH.

A equipa do Clube Europeu

Clube Europeu – VE à alta de Coimbra e Museu Machado de Castro

20141015_125125fotocoimbra

Foto de grupo – Membros do CE na UC

No passado dia 15 de outubro, os alunos da Escola Básica e Secundária de Mação, membros do Clube Europeu, realizaram uma visita de estudo à Universidade de Coimbra, com o objectivo de compreender o património cultural como testemunho de um passado.

Partimos da escola pelas 8 horas e chegámos a Coimbra por volta das 10,30 horas, sem atraso e sem dificuldades de trânsito na auto-estrada. À chegada, as professoras compraram os bilhetes de ingresso e conduziram-nos para a Biblioteca Joanina.

A Biblioteca Joanina é uma biblioteca do século XVIII situada no Pátio das Escolas da Universidade de Coimbra. Seguimos para a Capela de São Miguel e depois visitámos a Sala dos Capelos.

Esta Universidade está catalogada como património da Unesco e por isso encontrámos, por todo o lado, imensos turistas estrangeiros.

De seguida, e aproximando-se a hora do almoço, os alunos juntaram-se aos professores e petiscaram algumas coisas, num pátio perto da alta universitária, ao abrigo da chuva. Seguimos então para o Museu Machado de Castro, onde, atentamente, ouvimos todas as explicações dadas pelo guia.

Finalmente realizou-se a viagem de regresso à escola, onde chegámos por volta das 19h 45 minutos. Os objetivos foram alcançados plenamente e esta visita foi do agrado de todos.

 Pilar Martins O. Costa

 

Dia Internacional dos Museus no Núcleo de Arte Contemporânea de Tomar

DSC08907tomar

Foto retirada da Net

No dia 11 de junho de 2014, deslocaram-se a Tomar 36 alunos das turmas MAC5 e MAC6 do 1º CEB de Mação, acompanhados pelas professoras Luísa Morgado e Mª da Luz Faria do Clube Europeu e Conceição Vicente e Conceição Serrano, professoras titulares das turmas, para visitarem o Núcleo de Arte Contemporânea de Tomar com atividades direcionadas para os mais pequenos com o objetivo de motivar para a arte contemporânea e para os sensibilizar para a preservação do património coletivo e para  o pensamento e memória criativa. Trata-se de mais uma parceria do Clube Europeu com o Museu de Arte Rupestre de Mação. A visita foi organizada pela professora Sílvia Ramadas com a colaboração da Dra. Anabela Borralheiro e das professoras que participaram na visita.

A equipa do Clube Europeu

BARCELONA … UN MISTERIO DESCUBIERTO

grupo

Foto de Helena Marques

Al principio fue algo efímero, pero con el tiempo todos los recuerdos se convierten en eterno en lo que llamamos conciencia.

Cuando nos propusieron viajar a Barcelona, la curiosidad y la voluntad de ampliar nuestros horizontes nos llevaron a decir que sí.

          Cuando llegó el día, estábamos conscientes de la importancia de los profesores del Atelier de Español y del Club Europeo ya que organizaron el viaje y pudieron pagar algunas entradas y, por lo tanto, reducir el coste que correspondía a cada estudiante individualmente.

30 de abril… Realmente el viaje había empezado y teníamos más y más razones para sonreír. La noche (en autobús) la pasamos durmiendo, a veces mejor alojados, a veces menos acomodados, pero nos dio el suficiente descanso para el día que se siguió.

Llegados a Barcelona, visitamos uno de los puntos más altos (Montjuïc) en que era posible tomar en cuenta la grandeza, la belleza y el misterio de la ciudad que todos estábamos con ganas de descubrir. Vimos el Estadio Olímpico, el Museo Nacional de Arte de Cataluña y por último, pero no menos importante, el Camp Nou – Estadio del F.C. Barcelona. A continuación, los choferes hicieron un viaje panorámico por algunos lugares de interés de la ciudad.

Después, fuimos al hotel y luego recuperamos fuerzas, en la playa, porque el día siguiente se anunciaba agotador.

02 de mayo… El grupo entero se despertó temprano, con gran expectativa para cumplir el plan que teníamos. Para empezar, fuimos a la Sagrada Familia. Almorzamos en el Puerto Nuevo, cerca del mar y aún tuvimos tiempo para algunas compras en el centro comercial. Al inicio de la tarde, visitamos el Parque Güell, la CosmoCaixa, las Casas de Gaudí y por último las famosas Ramblas. En las Ramblas andamos por el Mercado de la Boquería, un mercado lleno de olores y colores. Al final de la noche y del día, asistimos a un verdadero espectáculo de luces, agua y música… las Fuentes Mágicas. Aquí lo pasamos genial. ¡Que guay!

03 de mayo… Hora de regresar a casa. El viaje resultó muy animado, con momentos para descansar, otros para relajar y otros para aprender algo de geografía. Y, todavía, había tiempo para una visita panorámica a Madrid…

          El tiempo pasó corriendo, pero es impensable que todos los recuerdos permanezcan sin registro como un tatuaje en nuestra mente.

          Ya los choferes, como la ciudad, superaron nuestras expectativas y ayudaron a realizar nuestro sueño. Esto sólo fue posible a través de su profesionalismo y sentido de humor.

          Para concluir, hay que agradecer a nuestros profes y a nuestros padres, pues sin ellos este viaje no habría sido posible…

Escrito por:

Ana Rita Lopes

Beatriz Branco

Sílvia Martins

10ºA

Sempre atual – Exposição “Direitos Humanos”

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fotos de João Pinheiro

O Clube Europeu voltou a assinalar o dia 10 de dezembro, data em que se celebra o Dia Internacional dos Direitos Humanos, com uma exposição de trabalhos realizados pelos seus alunos. A exposição visou alertar para diferentes tipos de violações dos direitos humanos em vários países do mundo. A elaboração dos trabalhos decorreu durante os meses de outubro, novembro e dezembro. Mapas, imagens e palavras deram vida à exposição…

A equipa do Clube Europeu