Reportagens

Da aldeia até à “cidade invicta”

 

No dia 30 de setembro de 2017 as aldeias de Monte Penedo, Ribeira de Boas Eiras e Espinheiro “mudaram-se” para a cidade do Porto. Cerca de 50 habitantes destas 3 aldeias aventuraram-se num passeio até à cidade portuense.

O dia para esta meia centena de pessoas começou cedo, eram cerca das 7:30 quando o autocarro iniciou viagem rumo à “cidade invicta”. Antes de chegar ao destino por volta das 11:30, o entusisasmo no autocarro era grande. Um dos habitantes dizia que a expetativa era grande em conhecer aquela cidade premiada como melhor destino turístico europeu.

Já no destino, os turistas tiveram oportunidade de conhecer os locais mais emblemáticos desta cidade começando por um pequeno passeio na Avenida dos Aliados seguindo-se a visita ao histórico Mercado do Bolhão. Depois, na pausa para almoçar, tiveram oportunidade de provar uma conhecida iguaria portuense (tripas à moda do Porto).

Depois do almoço, visitou-se a pé a estação de S. Bento, a Sé do Porto, a ribeira e atravessou-se a ponte D. Luís. Na visita por estes locais os habitantes mostraram- se espantados com a beleza da cidade, bem como o movimento que apresentava.

Por último, antes de regressar a casa, visitaram uma das caves de vinho do porto onde tiveram uma explicação sobre a produção deste típico vinho e claro a oportunidade de o degustar. Esta explicação deixou os visitantes entusiasmados visto que muitos produzem para consumo próprio. O dia foi longo e agitado para estas pessoas que estão habituadas à tranquilidade da sua aldeia, porém a oportunidade que tiveram em sair e conhecer pela primeira vez a cidade do Porto deixou-as com um sorriso e felizes com o passeio.

 

 

Sara Bento, 10ºA

Anúncios

FREGUESIA DE CARVOEIRO



Para quem não conhece a freguesia de Carvoeiro, aqui fica o resultado da pesquisa da Soraia Silva sobre esta freguesia do concelho de Mação.

Carvoeiro

Concelho => Mação

Área => 49,79 km²

População => 794 (habitantes, 2001)

Densidade => 15,9 hab., km²

Carvoeiro é uma freguesia portuguesa do concelho de Mação, com 49,79 km² de área e 794 habitantes (2001).

A origem do nome Carvoeiro não está devidamente esclarecida pois, enquanto algumas pessoas dizem que deriva do nome de jazidos de carvão por explorar que existem no sob-solo, há outras pessoas que dizem que o nome deriva de algumas árvores em grande quantidade, como por exemplo sobreiros e azinheiras.

É uma povoação muito antiga, desde cedo, se constituiu uma freguesia em conjunto com a Amêndoa e Belver, remontando ao principio da nacionalidade por volta de 1194. Nesta região foram encontradas ruínas, na Nossa Senhora da Moita foi encontrado, bem conservado, um vaso de cerâmica e telhas romanas. Muitas pessoas pensam que existiu uma povoação romana e, nas suas proximidades, um grande templo dedicado a Júpiter (deus da mitologia dos antigos romanos).

Carvoeiro, em 1464, obtém a carta de vizinhança, que permitia alguma liberdade de fazer trocas comerciais com povoações vizinhas.

Algumas localidades que pertencem a freguesia de Carvoeiro: Carvoeiro; Degolados; Capela; Galega; Maxieira; Pereiro e Vale de Santiago.

Algumas actividades económicas: Apicultura; Serração de madeiras; Agricultura e Construção de veículos para tracção animal.

Feiras: Feira anual (3ª Domingo de Agosto) e Expo Feira (Junho).

Festas e Romarias: São João Baptista (24 de Junho); Carvoeiro (29, 30 de Junho) e Senhor dos Passos (15 dias antes da Páscoa).

Locais de interesse turísticos: Aldeia de Laje e Praia Fluvial do Carvoeiro.

Gastronomia: Enchidos; Febras da matança; Filhós; Cavacas e Tigeladas.

Soraia Silva, 9.º A