Celebração do Dia Mundial da Língua Portuguesa -12ºB (Cursos de Cozinha e Mecatrónica)

Na semana, em que o Dia Mundial da Língua Portuguesa foi celebrado, para grande orgulho de todos nós, no passado dia 5 de maio, os alunos do 12ºB  (Cursos profissionais de Cozinha e de Mecatrónica) dedicaram algum do seu tempo à elaboração de cartazes que homenageiam a nossa língua materna, testemunhando também a sua importância!

Porque é em língua portuguesa que exprimimos emoções, sentimentos, receios, expetativas… é graças a ela que recebemos o conhecimento! E, entre muitos outros atributos, é graças a ela que grandes escritores do passado, presente e futuro enriqueceram, enriquecem e enriquecerão,  com as suas obras, o nosso património linguístico e cultural!

Em homenagem à nossa língua, aqui ficam os cartazes cuidadosamente elaborados por alguns dos alunos do 12ºB:

Maria Beatriz Gomes

Carolina Jesus

Hugo Matos
Marta Gonçalves
Marta Gonçalves

Professora: Clara Neves

 

Lendas

 

A Lenda de São Gens

Diz a lenda que há muitos anos atrás um grande incêndio queimou todos os pinheiros e vegetação da zona, à exceção de um determinado monte, onde o topo do monte continuou verdejante. Quando os aldeões se dirigiram ao local para verificar o acontecimento invulgar, encontraram uma imagem de São Gens, a quem atribuíram o milagre.
A imagem do santo foi levada para uma capela. Mas, no dia seguinte, tinha desaparecido tendo reaparecido no topo do monte, o processo repetiu-se no dia seguinte, mas o resultado foi o mesmo, desta forma os aldeões depressa perceberam que o santo queria permanecer no topo do monte e decidiram construir uma capela para lhe prestar homenagem.
No início da construção da capela o santo resolveu retribuir ao povo com um novo milagre e do meio do monte brotou água em abundância. Esta nova nascente corria pelos vales formando uma nova ribeira.
Não foi preciso muito tempo para que a água começasse a gerar conflito, de facto todas as povoações vizinhas queriam desviar o curso da ribeira de forma a serem abastecidas por esta água milagrosa. De forma a acabar com a confusão, São Gens realizou ainda um novo milagre. A água deixou de correr pelos vales, e apenas passou a aparecer na bacia da fonte, de onde desapareceria de imediato, quando transbordava. Durante o ano inteiro, a água continua a correr sem nunca sair da bacia da fonte. Esta água é apreciada pelas populações vizinhas. É-lhe atribuído o poder de dar apetite a quem dele tem falta.

Existe ainda, nos dias de hoje, uma romaria em honra de São Gens. Tradicionalmente era celebrada no dia 11 de janeiro, mas atualmente é festejada no sábado seguinte. Nesta romaria prova-se a água e também é costume benzer uns bolos secos semelhantes aos que se fazem no dia de todos os santos. Esta é a única altura do ano em que a capela pode ser visitada.

 

Lenda recolhida e adaptada por Inês Delgado, 7ºA

 

 

 

Passeio Pedestre Mistério – Dia 09 de maio

Foto de Sílvia Ramadas

Começámos o dia com um passeio mistério que nos levou ao Cabeço da Cruz!

Assinalámos assim o Dia da Europa 2017!

Juntos, 30 alunos e 3 professoras, rumámos ao nosso destino com entusiasmo e energia… A caminhada durou aproximadamente 2 horas… E foram 2 horas a andar para observar uma bela e repousante paisagem! Depois chegámos à escola e degustámos um belo almoço e uma bela sobremesa… Um bolo alusivo à Europa dos 28, não esquecendo os valores da solidariedade, cooperação e amizade que nos movem neste clube.

A equipa do Clube Europeu

NOITE DE NATAL INESQUECÍVEL, Junto dos Sem-abrigo de Lisboa

 

1-1
Clicar na foto para ver a reportagem fotográfica completa.

Foi na noite de 25 para 26 de dezembro de 2016, que nós, alunos do 12.º A – 2016/2017, rumámos até Lisboa, acompanhados de alguns professores do Agrupamento de Escolas Verde Horizonte de Mação, nomeadamente, das professoras Cláudia Olhicas, Margarida Castanho e Alexandra Ribeiro, do nosso Diretor de Agrupamento, José António Almeida e do filho do Diretor, João Almeida, no âmbito do projeto “Ao Encontro de Mudanças e Desafios, e de Crescimento Pessoal”. Neste novo desafio acompanhámos a Comunidade Vida e Paz em três voltas com as equipas de rua e entregámos aos muitos Sem-abrigo, que fomos encontrando, alimentos e agasalhos. Como grupo, achámos que esta missão teve um retorno muito positivo. Entendemos que todos crescemos um bocadinho enquanto alunos e seres humanos. Uma experiência que contribuiu, um pouco, para ajudar quem vive sem teto, mas que acabou por nos ajudar mais a nós alunos, pois no fim da noite apesar de cansados e com frio todos nós regressámos a casa, já de madrugada, com o coração cheio de alegria e paz. Naquela noite fomos realmente felizes! Como nota final não podemos deixar de agradecer àquela que foi a mentora de tudo isto, a nossa Diretora de Turma, Cláudia Olhicas, já que foi ela que nos incentivou e que nos tem feito ser um “exército de corações maiores”! Um grande e sentido obrigado professora! Ao Sr. Carlos Maia que fez a ligação à comunidade Vida e Paz e ao nosso Diretor, José António Almeida, aqui expressamos também os nossos agradecimentos por nos permitirem participar de uma experiência inesquecível!

 

Pela Turma do 12º A,

Rodrigo Leitão e João Delgado

VII CONCURSO DE POSTAIS DE NATAL – FRANCÊS


novo-apresentacao-do-microsoft-powerpoint

À semelhança dos anos letivos anteriores, os alunos de Francês do 3º Ciclo colocaram à prova a sua arte e criatividade, elaborando postais de Natal, nos quais registaram em francês mensagens de boas festas. Desta feita, foram galardoadas com o primeiro prémio, as seguintes alunas:
7ºAno – Beatriz Matos (7ºA)
8ºAno – Daniela Lourenço (8ºA)
9ºAno – Mª João D. Louro (9ºA)
Todos os postais se encontram expostos na Biblioteca da escola.
Para as vencedoras do concurso e para todos os participantes, votos de um feliz Natal e excelente Ano Novo!

As professoras de Francês,

Clara Neves

Ana Gameiro

Joaquina Esteves

Anabela Ferreira

Comemoração do centenário de Vergílio Ferreira

convite-vergilio-ferreira-lisboa

No âmbito da comemoração do centenário de Vergílio Ferreira (1916-2016), o Arquivo Nacional da Torre do Tombo  e a Câmara Municipal de Gouveia, promovem a exposição VERGÍLIO FERREIRA: Espaço do (In)visível, patente de 6 de dezembro a 31 de janeiro de 2017.

Horário: segunda a sexta feira, 9h30 – 19h30 ; sábado, 9h30 – 12H30

Entrada livre.

Contribuição: professor António Bento

Dia Internacional da Filosofia

Este slideshow necessita de JavaScript.

Celebrou-se, no dia 17 de novembro, o Dia Internacional da Filosofia no AEVH.

Esta data foi comemorada com algumas atividades, das quais destacamos uma exposição subordinada ao tema: Mulheres Protagonistas da História – exemplos do papel positivo e de alto relevo histórico desempenhado pelas mulheres ao longo dos tempos.

Foi também projetado o filme “O Apedrejamento de Soraya M”, seguido de debate sobre o problema da violação dos Direitos Humanos, em particular dos direitos das mulheres em algumas partes do mundo e, quiçá, entre nós.

Professor Sebastião Pimenta