1er Avril: Poisson d’Avril

Este slideshow necessita de JavaScript.

No passado dia um de abril, o Clube de Francês celebrou mais uma tradição francesa: o famoso Poisson d’avril.

Como é do conhecimento geral,  o dia um de abril é o dia das mentiras e das partidas. Em França, esta efeméride é conhecida por Poisson d’avril (peixe de Abril).

Tudo começou quando o rei francês, Carlos IX, após a implantação do calendário gregoriano, instituiu o dia um de Janeiro como início do ano. Naquela época, as notícias demoravam muito a chegar à população, facto que dificultou o conhecimento desta alteração.

Anteriormente, a festa de Ano Novo era comemorada durante uma semana, do dia 25 de Março até ao dia um de Abril. Algumas pessoas, mais tradicionalistas, não gostaram da mudança e continuaram a fazer a tal comemoração nesta data, tornando-se alvo de chacota por parte das pessoas que adotaram a nova data. Deste modo, surgiu a ideia pregar partidas, enviando-lhes presentes estranhos ou convites para festas que não existiam. Também era hábito pregar partidas aos pescadores, dado que era a época da desova e estava proibida a pesca. Eram, então lançados arenques aos rios e gritava-se “poisson d’avril”.

Atualmente, nas escolas francesas, os alunos penduram sorrateiramente peixes de papel nas costas dos colegas e dos professores.

Esta brincadeira também chegou à nossa escola no dia 1 de abril e muitos professores e alunos foram apanhados pelo Poisson d’Avril.

               Foi divertido e ninguém levou a mal!

Alunos do Clube de Francês e profª Clara Neves

Anúncios

Acrósticos sobre Aventura

aventura

Aventureiro pelo mar

Valente por terra

Enamorado por Penélope

Navio naufragado na ilha de Córcira

Tudo alcançou este nosso herói

Ulisses, o maior aventureiro da história

Rei da mais linda terra grega, Ítaca

Amou sem limites o mar e a terra!

Mónica Silva, 6ºC

aventuras

Alcançar o infinito

Vencer a guerra e o mar

Enfrentar o vento, o mistério e todos os perigos

Navegando pelos mares desconhecidos

Tempestades furiosas enfrentar

Ultrapassar os nossos medos

Rasgar o mar

Abraçar o desconhecido!

Alunos do 6ºC, sob orientação da profª Clara Neves

Carta de Ulisses a Penélope

ulisses

   Troia,17 de janeiro

Minha Querida Penélope,
Envio-te esta carta para que saibas que ainda estou vivo e também para te contar uma grande novidade: Após dez difíceis e longos anos, conseguimos vencer os troianos.
“E como a ganharam?”, perguntarás tu. Bom foi graças a uma ideia que eu tive.
Decidi construir um bonito cavalo de pau. A sua beleza foi inspirada em ti, minha querida.
Esse cavalo tinha uma pequena porta para alguns dos meus marinheiros e eu nos escondemos, enquanto os outros fingiram que se tinham ido embora para Ítaca.
Depois colocámos o cavalo às portas de Troia em ar de homenagem.
Como os Troianos sabiam que nós, os Gregos, não éramos parvos, demoraram três
dias até abrir as portas de Troia.
Quando viram o nosso lindo cavalo, levaram-no para a praça principal e, muito espantados, não sabiam que destino dar àquele estranho presente. “Destrói-se com os machados” disseram uns e nós lá dentro. De imediato, outros disseram: ”Queima-se” e nós apavorados, tremíamos como varas verdes. Finalmente, alguém disse: “É um cavalo muito bonito, vamos oferecê-lo aos nossos deuses.”. Todos concordaram e nós sentimo-nos aliviados.
Passaram-se quatro dias de festa entre os troianos. Ao quarto dia, já estavam todos sem forças para nada.
Quando tudo acalmou, eu abri a portinha do cavalinho e as portas de Troia para os outros homens entrarem.
Olha Penélope, já não existe Troia. Destruímos tudo e salvamos a nossa querida princesa Helena.
Agora só penso em voltar para os teus braços e abraçar o nosso filho. Que grande já deve estar!
Adeus, meu amor! Espero regressar muito em breve.

Com muitos beijinhos do teu fiel marido,
Ulisses

P.S.- Recebi o título de “Destruidor de Troia”. Quando chegar à nossa linda Ítaca, jamais te deixarei de novo!

Mónica Silva, 6ºC

ulisses (1)

Troia, 28 de junho

Querida Penélope,

Espero que estejas bem, estou a escrever-te esta carta para tu saberes que eu ainda estou vivo.
Tenho boas notícias para ti, meu amor: acabei de vencer a guerra de Troia e salvei a rainha Helena. Espero que não fiques com ciúmes.
A cidade ficou completamente destruída, não ficou pedra sobre pedra!
Depois da batalha fiquei conhecido como “O Destruidor de Troia”.
Tratou-se de uma grande vitória e todos me reconheceram como um grande herói.
Estou de partida e, como deves calcular, tenho muitas histórias para contar e estou cheio de saudades tuas e do nosso filho Telémaco.

Muitos Beijinhos,

Ulisses

P. S. – Levo um presente especial para ti e para o Telémaco.
Volto em breve.

                                                                                              Pilar  Costa, 6ºC

Cartas elaboradas no âmbito do estudo da obra – Ulisses, de Maria Alberta Menéres – sob a orientação da professora Clara Neves

La Fête de La Chandeleur à l’école: un vrai succès

Le quatre février, le Club de Français a fêté La Chandeleur, la Fête des Chandelles. En France, les français célèbrent cette fête avec la confection de très bonnes crêpes qu’ils mangent avec la famille et les amis, le deux février.
Pour faire la décoration de la salle de l’élève, nous avons fait des tresses et des fleurs tricolores (bleu, blanc et rouges) Nous avons fait aussi des affiches et des travaux sur la Chandeleur.
Il y avait des crêpes à différentes garnitures: de la confiture, du miel, de la crème chantilly et du chocolat. Les crêpes au chocolat étaient délicieux!
Il y avait aussi du Milk-shake.
Le Club de Français remercie bien  au professeur et chef de cuisine Rosa Almeida et à tous les élèves et professeurs qui nous on aidé.
C’était une belle et inoubliable journée! C’était vraiment chouette!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Les élèves du club de français (8è B) et le Prof. Clara Neves

Dia 4 de fevereiro, há crepes o dia inteiro!

Duarte Caetano, 8ºB
Duarte Caetano, 8ºB

No próximo dia 4 de fevereiro, já na próxima 3ªfeira, o Clube de Francês, com a colaboração do Curso de Hotelaria e Turismo vai realizar, na nossa escola, a grande festa dos crepes!

Durante todo o dia, serão confecionados e vendidos deliciosos crepes, pretendendo-se deste modo recriar, em meio escolar, mais uma das célebres tradições francesas: La Chandeleur!
Se o tempo o permitir, os deliciosos crepes esperam no pátio da escola por quem os queira saborear !
Mas se a chuva nos visitar, na sala dos alunos os poderão encontrar!
E há para todos os gostos: simples, com canela e açúcar, como manda a tradição, ou com diversos recheios: compotas, mel,caramelo ou chocolate! Também há batidos para acompanhar!
Será certamente um dia fantástico, pois como diz o ditado popular francês, comer um crepe neste dia, trará felicidade para o ano inteiro!

Manger une crêpe à la Chandeleur, porte un an de bonheur!

Vive les crêpes! Vive la Chandeleur!

 Prof.ª Clara Neves e alunos do Clube de Francês

Matilde Matias, 8ºB
Matilde Matias, 8ºB

Clube de Francês em atividade…

       O Clube de Francês nasceu no presente ano letivo e deu os seus primeiros pequenos mas grandes passos ao longo do 1ºperíodo. As diversas atividades dinamizadas deram um novo colorido ao Agrupamento, refletindo o empenho e entusiasmo dos alunos envolvidos pela aprendizagem do Francês.

       Foram vários os momentos que, de forma especial, marcaram esta primeira fase: a exposição sobre as tradições de “La Toussaint”, a participação na Feira de Todos os Santos, as decorações e a venda de doces de Natal, a participação no concurso “Cartes postales de Noël” , o torneio de “Babyfoot” ( matraquilhos) e o sorteio de Natal.

       Todas estas atividades contribuíram para um contacto mais profundo e espontâneo com a língua e a cultura francesas e para a divulgação da mesma junto da comunidade educativa. Ao longo do 2º Período, o Clube de Francês continuará a crescer e a marcar presença com a dinamização de outras atividades que proporcionarão a todos o conhecimento e vivência de tradições francesas, tais como: “La Chandeleur” ( Dia dos Crepes); “La Saint valentin”, entre outras.
        Para já, aqui fica uma pequena apresentação da vida do clube ao longo do 1º Período.
                               

Merci et À bientôt,

Prof.ª Clara Neves

 

CLUBE DE FRANCÊS MARCA PRESENÇA NA FEIRA DE TODOS OS SANTOS EM MAÇÃO

Este slideshow necessita de JavaScript.

No passado dia 3 de novembro, os alunos do Clube de Francês estiveram presentes na Feira de Todos os Santos, em Mação, onde venderam diversificados produtos caseiros e organizaram uma pequena quermesse.
Para além da divulgação do clube, que está a dar os seus primeiros passos no presente ano letivo, esta atividade também teve como objetivos o contacto com a comunidade, o convívio e vivência conjunta de uma tradição local, também ela festejada em França, bem como a angariação de fundos para a realização de um grande sonho: realizar uma viagem a França no ano letivo de 2014/2015.
Foi um dia bastante divertido, em que professoras, alunos e encarregados de educação conviveram de forma diferente, interagindo com a população, num ambiente em que reinou a boa disposição.
A todos aqueles que de alguma forma deram o seu contributo para que o nosso sonho comece a ganhar contornos reais, o nosso grande OBRIGADO!

                                                                                                      Texto de prof.ª Clara Neves e alunos do Clube de Francês

Fotografia: Prof.ª Clara Neves

Le 1er novembre et la Fête de La Toussaint en France

Este slideshow necessita de JavaScript.

Le premier novembre, le Club de Français a comémoré La Toussaint avec une exposition sur cette tradition en France. Après un travail de recherche, les élèves ont exposé leurs travaux  sur ce jour de fête : textes ; images, proverbes ; cartes postales et, même, quelques spécialités de confisserie traditionnelle. Ce jour-là, on rend hommage à  tous les saints et aussi à nos chers disparus. Les cemitières sont, donc, remplis de fleurs et de bougies. C’est un beau spectacle de couleur et lumière ! En France, le 1er novembre c’est un jour férié et les éléves français ont même quinze jours de vacances. Ce sont les Vacances de La Toussaint.  Au Portugal, malheureusement, La Toussaint, n’est plus jour férié depuis 2012 !

                Dans la même date, l’Espagne comémore la Fête des Morts !

Vive la Toussaint !

Traduction:

O dia um de novembro e a Festa de La Toussaint

No dia um de novembro, o Clube de Francês comemorou La Toussaint (Dia de Todos os Santos) com uma exposição sobre esta tradição em França. Após um trabalho de pesquisa, os alunos exposeram os seus trabalhos sobre este dia festivo: textos, imagens, provérbios, postais e, mesmo, algumas especialidades de doces tradicionais. Nesse dia, presta-se homenagem a todos os santos e também aos nossos entes queridos. Os cemitérios estão, portanto, cheios de flores e de velas. É um belo espetáculo de cores e de luz! Em França, o dia 1 de novembro é feriado e os alunos têm mesmo quinze dias de férias. São as Férias de La Toussaint. Em Portugal, infelizmente, já não é feriado desde 2012!

                Na mesma data, a Espanha comemora o Dia dos Mortos!

Viva “La Toussaint”!

Texto e fotos de

profª Clara Neves

Clube de Francês… Uma novidade na escola!

wwww (3)(cartaz elaborado por alunos do 8ºB)

O ano letivo de 2013 / 2014  tem uma novidade para ti: o Clube de Francês!

Um clube para quem gosta de Francês e quer conhecer melhor esta língua de forma divertida.

Um espaço  de descoberta e de cultura.

Uma oportunidade de viajar até França e conhecer  a cidade das luzes, capital da moda: Paris!

Inscreve-te junto das professoras de Francês: Clara Neves, Anabela Ferreira, Ana Gameiro e Joaquina Esteves.

À bientôt!

Professora Clara Neves