E CHEGOU O NATAL…

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Natal chegou e inundou o Agrupamento com o seu espírito alegre, colorido e festivo, neste final de período! Os alunos de Francês e Espanhol deram uma pequena ajuda para intensificar a vivência desta quadra festiva, construindo um enorme pinheiro de Natal feito com as suas próprias mãos. Para o enfeitar, foram decoradas múltiplas bolinhas com os vários símbolos natalícios, em francês e espanhol. O entusiasmo de ver “nascer” esta original árvore revelou-se de tal forma contagiante que envolveu vários elementos da comunidade educativa – professores e funcionários -que, sempre que podiam, contribuíam com mais uma mãozinha ou uma bolinha para dar forma à magnífica árvore! Finalmente, a obra de arte nasceu e ficou belíssima porque resultou do envolvimento e dedicação de todos!

As docentes de Francês e Espanhol elaboram ainda molduras natalícias e balões de fala com mensagens nas respetivas línguas que proporcionaram ótimos momentos de diversão e convívio entre os colegas na sala dos professores!

Foi um final de período em que se viveu a magia e alegria desta quadra, proporcionando   uma maior proximidade entre todos os elementos da comunidade educativa!

Para todos…

Joyeux Noël !

Feliz Navidad!

 

As professoras,

Clara neves e Ana Rute Fonseca

Anúncios

VII CONCURSO DE POSTAIS DE NATAL – FRANCÊS


novo-apresentacao-do-microsoft-powerpoint

À semelhança dos anos letivos anteriores, os alunos de Francês do 3º Ciclo colocaram à prova a sua arte e criatividade, elaborando postais de Natal, nos quais registaram em francês mensagens de boas festas. Desta feita, foram galardoadas com o primeiro prémio, as seguintes alunas:
7ºAno – Beatriz Matos (7ºA)
8ºAno – Daniela Lourenço (8ºA)
9ºAno – Mª João D. Louro (9ºA)
Todos os postais se encontram expostos na Biblioteca da escola.
Para as vencedoras do concurso e para todos os participantes, votos de um feliz Natal e excelente Ano Novo!

As professoras de Francês,

Clara Neves

Ana Gameiro

Joaquina Esteves

Anabela Ferreira

CLUBE DE FRANCÊS – SORTEIO DO CABAZ DE NATAL

img_20161216_223834

À semelhança dos anos anteriores, o Clube de Francês sorteou mais um magnífico cabaz de Natal cuja verba angariada contribuirá para a realização de uma visita de estudo a França já em 2017.

O sorteio do cabaz foi realizado no dia 16 de dezembro ao longo da gala de entrega de prémios aos alunos do Agrupamento, tendo a sorte batido à porta do senhor Manuel Branco, residente em Aboboreira.

Ao feliz contemplado, votos de um feliz Natal e excelente Ano Novo!

 

As professoras de Francês,

Clara Neves

Ana Gameiro

Joaquina Esteves

Anabela Ferreira

UMA AULA DIFERENTE NA IGREJA MATRIZ DE MAÇÃO

           igreja

 No dia 25 de novembro de 2016, os alunos do 11ºC – Curso Profissional de Técnico de Saúde e de Cozinha – partiram, na companhia da professora Clara Neves e da Diretora de Turma, professora Helena Antunes, rumo à Igreja Matriz de Mação, na aventura de descobrir algo mais sobre o Sermão de Santo António aos Peixes, obra que se encontram a estudar nas aulas de Português. E, para ajudar os alunos a perceber um pouco melhor as sábias palavras do grande Padre António Vieira, ninguém melhor do que o pároco Amândio Mateus.

Sentados, em redor do púlpito, os alunos ouviram explicações sobre a vida deste célebre orador português que nasceu a 6 de fevereiro de 1608 em Portugal. Mas por que seria Vieira tão conhecido? Seria pela sua vasta atividade profissional?

De facto, Vieira foi uma das mais influentes personagens do século XVII em termos de política e oratória. Ao longo da sua longa vida, não só foi padre, como também escritor, pregador, professor de retórica, diplomata, conselheiro e confessor da corte, tendo-se destacado como missionário jesuíta em terras brasileiras. Nesta qualidade, defendeu incansavelmente os direitos dos povos indígenas, combateu a sua exploração e escravização, promovendo a sua evangelização. Defendeu também os judeus e a abolição da distinção entre cristãos-novos (judeus convertidos, perseguidos na época pela Inquisição) e cristãos-velhos (os católicos tradicionais).

Paralelamente a uma atividade tão multifacetada, a notoriedade de Vieira ficou-se também a dever, quer no seu tempo, quer nos dias de hoje, à riqueza e profundidade dos seus sermões, entre eles, o célebre Sermão de Santo António aos Peixes. Neste sermão, perante a indiferença do auditório, Vieira dirige-se aos peixes, à semelhança do que fizera Santo António. Elogiando as virtudes dos peixes e criticando os seus vícios, Vieira pretendia, porém, criticar duramente os colonos do Maranhão que exploravam e escravizavam os índios no Brasil. Terão os homens percebido o caráter alegórico das suas palavras? O que é certo é que três dias após ter proferido este sermão, Vieira embarcou ocultamente para o reino, evitando assim possíveis represálias, sob a proteção do rei D. João IV.

Os alunos puderam ainda ouvir alguns excertos do Sermão de Santo António, lidos de forma eloquente e sabiamente comentados pelo Pároco Amândio Mateus. Seguidamente, também os discentes foram convidados a desempenhar, por momentos, o papel do Padre António Vieira, lendo ao público partes do seu sermão, a partir do púlpito. Foi um dos momentos mais apreciados e, obviamente, aplaudido por todos!

Finalmente, os alunos tiveram a oportunidade de ter nas suas mãos e folhear volumosos livros antigos, repletos de sabedoria, cujas folhas de papiro, amareladas pelo tempo, continham textos manuscritos em latim, rodeados de belas iluminuras, evocando o tempo em que Vieira compunha os seus sermões.

Através desta pequena aventura, os alunos ficaram a saber algo mais sobre a vida e obra do nosso Imperador da Língua Portuguesa, celebrizado em todo o mundo pela sua coragem de dizer a verdade sobre os vícios da sociedade do séc. XVII, dificilmente admitidos pelos homens e pela própria Igreja do seu tempo. Quatro séculos decorridos sobre a sua morte, a mensagem satírica e moralizadora dos seus sermões permanece atual e universal, sendo Vieira considerado um grande ativista dos direitos humanos.

Ao padre Amândio Mateus um reconhecido agradecimento pelas descobertas que nos proporcionou!

                                                                                                                           Cristiana Carias, 11ºC
e Profª Clara Neves

LA TOUSSAINT À L’ÉCOLE

Este slideshow necessita de JavaScript.

Como já vem sendo tradição na nossa escola, o Clube de Francês comemorou La Toussaint (Dia de todos os Santos) com uma exposição alusiva à data.

          Este ano, os alunos foram convidados a refletir em pequenas, mas grandes ações de todos os dias que nos podem tornar semelhantes aos Santos que veneramos, respondendo à questão – Que faut-il faire pour être Saint? (O que é preciso fazer para ser Santo?)

          As respostas, devidamente ilustradas, chegaram em pequenos e coloridos cartazes elaborados pelos alunos nas aulas de Francês, eis alguns exemplos:

          – Être solidaire, sage, honnête, poli… (ser solidário, bem-educado, honesto, afável)

Aimer et respecter son prochain… (amar e respeitar o próximo)

Respecter les parents et les professeurs…  (respeitar os pais e os professores)

Ne pas mentir… (não mentir)

Aider les pauvres et les plus démunis… (ajudar os pobres e os mais necessitados)

Étudier pour avoir un meilleur avenir… (estudar para ter um melhor futuro)

Refuser toute forme de racisme… (recusar toda a forma de racismo)

         Estas e outras respostas, bem enquadradas entre o castanho dourado de múltiplas folhas outonais, imagens de santos, provérbios e desenhos elaborados por alunos, puderam ser lidas durante duas semanas no átrio do pavilhão B. Os deliciosos crepes também marcaram a sua presença no dia 27 de outubro, contribuindo para intensificar o clima aconchegante que pretendemos recriar nesta quadra festiva, com o seu doce aroma.

         Foi uma atividade bastante motivadora que, para além de ter permitido relembrar, descobrir e aplicar vocabulário e diferentes estruturas linguísticas da língua em estudo, também proporcionou momentos de maior descontração nas aulas.  Nela participaram não só os alunos do 3º Ciclo, como também os alunos do Curso Profissional de Turismo, 10ºC, no âmbito da disciplina de Comunicar em Francês.

           No dia 1 de novembro, o Clube de Francês marcou novamente presença na Feira dos Santos de Mação, tendo sido vendidos diversos produtos regionais fornecidos pelos seus Encarregados de Educação, cuja receita angariada contribuirá para a realização de mais uma viagem a França já no presente ano letivo. Foi um dia bastante divertido que proporcionou o contacto direto com a comunidade local e um convívio mais próximo entre alunos e professoras.

           Ao longo do ano letivo, muitas outras atividades irão ser dinamizadas, no sentido de promover o gosto pela língua e cultura francesa, de forma lúdica e aprazível!

              Participa e diverte-te!

À bientôt!

Profª Clara Neves

Fotografia: Prof. José Gonçalves

CLUBE DE FRANCÊS – O REINÍCIO DAS ATIVIDADES

Este slideshow necessita de JavaScript.

À semelhança dos anos letivos anteriores, o Clube de Francês festejou novamente a quadra festiva La Toussaint (Dia de todos os Santos), também ela comemorada em Portugal no dia 1 de novembro, marcando, assim, o início de mais um ano recheado de atividades.

Desta feita, no final da semana que antecedeu esta festividade, esteve patente a toda a comunidade escolar, no átrio do Pavilhão B, uma exposição de trabalhos elaborados pelos alunos, em homenagem aos Santos e a outras pessoas que, através do seu testemunho de vida, se tornaram um exemplo de altruísmo, humanidade e santidade. Foram igualmente expostos diversos provérbios franceses alusivos à época. Esta foi uma atividade que muito entusiasmou todos os discentes participantes, tendo os mesmos pesquisado informações sobre Santos de nacionalidade francesa, padroeiros da sua localidade ou, ainda, sobre aqueles cujo nome era igual ao seu. Feitas as pesquisas, foi relembrado, descoberto e aplicado vocabulário e estruturas linguísticas para a elaboração, em francês, dos textos alusivos a cada Santo.

As turmas do 9º ano debruçaram-se ainda sobre as diferenças entre La Toussaint e outras tradições que ocorrem em datas muito próximas – Hallowen e La Fête des Morts – que, não sendo de origem francesa, são igualmente comemoradas em França e um pouco por toda a Europa, tendo os alunos de espanhol se juntado a nós, expondo trabalhos alusivos ao “Dia de los Muertos”.

Também a turma do 12ºB, no âmbito da disciplina Comunicar em Francês, redigiu em francês algumas receitas dos deliciosos bolinhos e broas que, em Portugal, se confecionam tradicionalmente, por esta altura.

No dia 1 de novembro, como já vem sendo tradição, o Clube de Francês marcou novamente presença na Feira dos Santos de Mação, tendo sido vendidos diversos produtos regionais fornecidos pelos seus Encarregados de Educação, cuja receita angariada contribuirá para a realização de mais uma viagem a França no próximo ano letivo. Foi um dia bastante divertido que proporcionou o contacto direto com a comunidade local e um convívio mais próximo entre alunos e professoras.

A comemoração de La Toussaint não teria o mesmo sabor sem os deliciosos crepes tão apreciados por todos. Deste modo, no dia 3 de novembro, toda a comunidade escolar se deliciou com esta iguaria confecionada na escola pelos alunos e professoras do Clube de Francês.

Ao longo do ano letivo, muitas outras atividades irão ser dinamizadas, no sentido de promover o gosto pela língua e cultura francesa, de forma lúdica e aprazível!

Participa e diverte-te!

À bientôt!

Clube de Francês – Profª Clara Neves

Visita a França – A opinião de quem viveu a experiência

IMG_3144

Nesta viagem pudemos fazer novas amizades, aprender coisas novas, contactar de perto com novas culturas e hábitos! Foi uma viagem pela qual batalhámos, mas todo o esforço valeu a pena, porque foi uma visita inesquecível!
Lúcia Pires, 9ºB

A viagem a França foi uma experiência muito boa, aprendemos e visitámos vários lugares. Gostei muito.
Maria Eduarda Fontes, 8ºA

A viagem a França foi simplesmente a melhor experiência que o Clube de Francês nos poderia proporcionar. Foi um misto de emoções, de aprendizagem, de cultura, de amizade… Foi uma semana que, decerto, jamais iremos esquecer!
Raquel Parente, 9ºB

Eu gostei da visita a França. Foi muito divertida e conheci monumentos muito bonitos.
Matilde Pinheiro, 7ºA

Depois de tanto esforço e dedicação, ao longo destes dois anos, tivemos sem dúvida, a melhor recompensa! Foi uma viagem inesquecível com muitas emoções e experiências que jamais teríamos… Agora só restam as memórias, mas nunca nos esqueceremos nem de um momento, nem de uma amizade nova! Cada segundo valeu a pena. Agora sentimo-nos mais responsáveis e, claro, muito felizes!
Clara Silva, 8ºB

Finalmente, tivemos a tão esperada viagem a França, dois anos a trabalhar arduamente! Ainda parece mentira, que fomos a França e visitámos um monte de monumentos, vivemos momentos inesquecíveis, tudo isto numa semana! Tudo passou a correr. Foi a melhor experiência que a língua, o Clube e a escola nos podia oferecer. Acho que esta viagem, nos fez crescer a todos nem que seja um pouco.
Eu adorei a viagem, por mim, repetia tudo outra vez.
Ana Beatriz Sobreira, 8ºB

Esta foi sem dúvida a melhor viagem! Conheci novas pessoas, novos hábitos e costumes. Gostei mesmo muito. Agora…só restam as memórias!
Beatriz Santana, 8ºB

Esta viagem foi merecida devido ao trabalho que todos tivemos durante dois anos. Foi maravilhosa, inesquecível e ficará sempre na memória de todos nós.
Edgar Ladeira, 8ºB

A viagem a França foi inesquecível e fantástica. Acho que foi bom para adquirirmos mais conhecimentos sobre o país, mas também sobre as várias culturas. Espero ter mais oportunidades destas.
Francisco Grilo, 8ºB

Foi a melhor viagem do universo, foi uma experiência única! Conhecemos pessoas novas, monumentos, locais… Adorei! Eu já tinha uma pequena noção do que era Paris, mas ver Paris ao vivo e a cores é muito melhor! É uma viagem que vai ficar sempre no meu coração!
Marta Bessa, 8ºB

Foi uma experiência muito enriquecedora, que nos permitiu conhecer outro país, assim como contactar com algumas das suas culturas e monumentos inexplicavelmente conhecidos no mundo inteiro.
João Lopes, 8ºB

Dois anos a trabalhar, mas a recompensa é maior. Foi uma experiência fantástica. Adorei! Espero que um dia possamos repetir.
Daniel Patrício, 8ºB

Adorei a viagem! Foi uma experiência que nunca irei esquecer. França é, realmente, um país muito bonito!
Cristiana Antunes, 8ºB

Esta viagem tornar-se-á inesquecível para todos. Conhecemos coisas novas e aprendemos melhor a falar francês.
Pedro Martins, 8ºB

Valeu a pena o nosso esforço e trabalho para, no final, concretizarmos um grande sonho. A viagem a Paris ficará para sempre na memória como maravilhosa, encantadora, cultural… Gostei muito desta experiência. Se pudesse, repetiria tudo outra vez.
Judite Lopes, 8ºB

Valeu a pena o trabalho e não me importava nada de repetir!
José Gonçalves, 8ºB

Eu gostei da viagem a França, pois visitámos vários monumentos e parques fantásticos. Por mim, foi uma viagem inesquecível. Não me importava mesmo nada de repetir!
Rafael Rodrigues, 8ºB

Eu gostei muito da viagem a França. Ficámos a conhecer novas culturas, costumes e gastronomia. Foi uma viagem inesquecível!
Hugo Marcos, 8ºB

A viagem a França foi a concretização de um sonho! Foi uma viagem inesquecível! Conhecemos pessoas novas, monumentos, culturas, costumes… foi uma experiência memorável!
Anaís Albuquerque, 8ºB