Diálogo

– Por cada letra,

Por cada verso,

Por cada quadra que faça

Por cada estrofe,

Por cada poema,

No meio, há sempre uma borracha.

– Eu sei, eu bem sei:

Sei que o dom vai e vem.

Sei que a imaginação passa,

Mas também sei que ela me tem.

– E eu bem sei o que é um dom…

O da escrita, pouca gente o tem.

E veias com versos… ainda há mais gente aquém.

Pena é que muita gente olhe a poesia com desdém…

– Não sei o que podem ter contra:

É um poema, tem vida!

Nem todos o conseguem criar,

Apreciem esta escrita!

– A poesia é uma forma

De nos podermos expressar.

Este diálogo foi um modo

De vos pôr a pensar.

 Amélia Silva, 8ºB

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: