Os Cartazes de Abril – 38 anos depois das mordaças da incúria

Este slideshow necessita de JavaScript.

Exposição realizada pelos alunos do 9ºAno no âmbito das comemorações do 25 de Abril.

O que deseja a democracia quando a magnitude democrata é posta em causa diariamente. O apelo regozija a própria vontade de podermos falar livremente, “em cada esquina igualdade”, de movimentarmos os sons de Abril em gargarejos des”pide”os de correntes que nos agrilhoaram nas palavras, vontades nas injustiças! O Desejo que me impele de escrever precede as angústias de horas que não podia sequer formatar palavras. Censura!
Bloqueio pidesco que nos proibiu de gritar, de realizarmos sonhos que a espaços sufocavam o cidadão dilacerando-o nas suas emoções, razões, opiniões,… simplesmente falar, comentar, Viver.

A exposição evoca essa vontade de lutar continuamente, de podermos com o som estridente das nossas cordas vocais construir emoções, desenhos, cartazes e flores, para alertar para a única razão que nos permite ser livres, verdadeiros e mais justos com o nosso semelhante,… A LIBERDADE. A DEMOCRACIA.

Orientação pedagógica e científica do professor João Diogo

Fotos: professor João Pinheiro

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: