Protagonistas da História – a personalidade de Joana d’Arc

     O papel histórico de Jeanne d’Arc, por vezes chamada donzela de Orléans, (Domrémy-la-Pucelle, 6 de janeiro de 1412 – Ruão, 30 de maio de 1431), marca a afirmação de um sentimento nacional, já sensível sob os reinados de Philippe Auguste e do seu sucessor Louis VIII.

   Pela sua obstinação, e a dos seus companheiros, de recolocar no trono de França o seu legítimo rei, contra os desígnios ingleses, materializa-se a existência de uma comunidade que divide a mesma língua, costumes e o seu desejo de ter um destino comum.

   O seu martírio (Joana foi queimada viva) sela verdadeiramente o nascimento da França. Todos os poderes políticos que se sucederam desde o século XV, acreditassem eles ou não na sua santidade, fizeram da pastora de Domrémy-la-Pucelle o símbolo da nação e, sem dúvida, a sua expressão mais forte e poética.

   Jeanne d’Arc foi, por assim dizer, declarada padroeira da França, por ter sido a maior heroína da Guerra dos Cem Anos, durante a qual tomou partido pelos Armagnacs, na luta contra os borguinhões e os seus aliados ingleses.

 

A prof. Ana Gameiro

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: