Património cultural local – Recolha de lendas

A Lenda da Arca

Esta lenda conta-se em várias povoações com poucas variantes. Caratão, Vale do Grou e Zimbreira, que têm o seu monte, onde dizem que está uma arca com um tesouro dentro, enterrada, e ninguém dá com ela. A tampa da arca já está gasta por tanta cabra preta lhe passar por cima à hora do meio-dia, como dizem na Zimbreira.
Os mouros andaram três noites a acarretar ouro para a arca à luz de archotes, ou talvez às escuras para que ninguém os visse e não desse com a arca nem com o caminho. Dizem que a arca lá continua, e quem estiver junto dela vê os barcos a passar no porto de Envendos, talvez no Tejo ou Ocreza. No Vale do Grou conta-se que a um tal João Mexia lhe fugiu um boi preto e que só parou junto da arca.

Livro: “Monografia de Envendos”
Autor: Manuel de Jesus Martins
Junta Distrital de Santarém 1974

Recolha realizada por: Miguel Afonso
Nº17
7ºB

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: